Criação de Codornas

Saiba como montar uma criação de codornas e se dar bem em seu empreendimento.

No mundo do agronegócio existem muitas alternativas para o investimento sendo que neste caso a codorna é um dos animais preferidos para quem deseja iniciar uma criação de aves em qualquer porte possível.

Confira também: apostila de criação de codornas.

Com relação a este assunto, os interessados em conhecer os detalhes de como criar codornas devem compreender que é preciso uma estrutura muito simples e básica tendo como benefícios adicionais a praticidade para administrar este tipo de negócio além da possibilidade elevada de ganhos por ser um mercado bem promissor para a venda das aves em si e também de seus ovos.

​Sua Ideia de Negócio É Lucrativa?
Saiba quais são as 4 perguntas poderosas que podem salvar seu negócio antes mesmo dele ser criado. Evite cometer os ERROS COMUNS dos empreendedores de primeira viagem. Saiba mais…

PS: No final eu apresento uma ferramenta que pode triplicar suas chances de sucesso com um negócio próprio. Clique aqui!

De forma geral, a codorna é um pequeno animal conhecido há pouco tempo no Brasil com a sua inserção acontecendo no território brasileiro na década de 1950 junto com os imigrantes japoneses, pois esta pequena ave é originária deste país asiático que as utiliza

para consumo há mais de mil anos.

A principal vantagem para quem deseja saber como criar codornas se refere ao fato de que estes animais possuem uma boa reprodução, ou seja, oferecem ovos com grande frequência e alcançam a idade ideal para se reproduzir muito rápido, tornando assim o negócio bem mais próspero em comparação com a criação de outras aves ou animais para criação.

Para os interessados existe ainda um benefícios adicional que está no fato de que as codornas possuem uma melhor saúde do que as galinhas devido à pequena quantidade de hormônios que possuem na região da pele bem como pelo seu ovo, que é mais saudável que o da galinha.

Assim, por todas estas possibilidades e benefícios oferecidos vamos mostrar a seguir de maneira mais detalhada as questões mais relevantes para os interessados em saber como criar codornas para alcançar o sucesso e prosperidade neste tipo de negócio.

Estrutura para a criação de codornas

O primeiro aspecto que deve ser considerado para quem deseja informações sobre a criação de codornas se refere à estrutura necessária para este empreendimento que exige investimento pequeno.

Por isso, os locais ideais para a montagem de uma criação de codornas são sítios, fazendas ou casas de campo porque é preciso oferecer para estas aves uma estrutura em madeira como um galpão de alvenaria contendo pelo menos 16 metros quadrados para abrigar cerca de 2.000 aves em seu interior.

Além disso, o local a ser construído por quem deseja saber como criar codornas precisa possuir boa circulação de ar para que a temperatura média ambiente neste local seja de 19 graus, pois desta forma não ocorrem prejuízos à capacidade fértil das codornas utilizadas.

Outro cuidado importante se refere à necessidade de oferecer para as codornas uma cobertura contra eventos como chuva e sol que pode ser de madeira, telha ou mesmo metalizada.

Na maioria dos casos, as telhas de amianto são as preferidas pelos criadores devido ao seu preço mais barato e acessível bem como pelo seu fácil manejo para manutenção como troca ou aumento de altura.

Dentro do galpão para abrigar as codornas é importante construir uma estrutura para que as aves fiquem acomodadas no formato de gaiolas de arame ou algo do gênero. O espaço da gaiola também deve ser considerado e por isso este instrumento deve ser feito na altura do piso de um metro por trinta centímetros de largura, que podem comportar até quinze fêmeas em um mesmo espaço sem preocupação.

Assim, elas não lutam por espaço e não se tornam competitivas quanto à alimento, mas para isso é preciso que o mesmo esteja em quantidade abundante no chão.

Para saber de forma efetiva como criar codornas é necessário considerar na montagem da estrutura para a criação de codornas que esta ave coloca seus ovos no chão, ou seja, eles precisam ser protegidos. Por isso, o ideal é que a gaiola tenha um pequeno declive no piso direcionado para o fundo da gaiola, no qual deve estar disposta uma boa quantidade de serragem para aparar os ovos que será retirado em seguida pelos criadores.

Raças para a criação de codorna em cativeiro para abate

Depois de organizar de maneira correta o lugar para a criação é importante escolher com cuidado o tipo de codorna a ser criado sendo que neste caso a raça recomendada para a criação em cativeiro é a Coturnix coturnix japônica, conhecida como codorninha porque tem mais carne, se adapta melhor ao clima brasileiro e é a que mais coloca ovos. As fêmes colocam, ao menos, um ovo por dia.

Apresentam um peso corporal respectivos de 155 gramas e 180 gramas para machos e fêmeas com coloração do peito na cor castanha com pintas pretas tendo ainda as glândulas cloacais como uma saliência na região íntima das aves.

Estas aves crescem e se reproduzem a cada 45 dias estando prontas para o abate quando completam 5 ou 6 semanas de vida com o primeiro ovo fértil surgindo em até 20 horas após a primeira cópula.

Reprodução da codorna

Ao considerar a maneira adequada de como criar codornas no aspecto reprodutivo, não existe ave melhor para iniciar uma produção como forma de empreendimento do que a codorna.

Para se ter uma ideia do nível de lucratividade para uma criação de codornas, com apenas uma só codorna podem ser criadas 42 novas aves, pois seus ovos são constantes e extremamente férteis quando chocados.

Fêmeas e machos de codornas cruzam durante o ano todo, sem época definida, precisando apenas de um macho para cada cinco fêmeas, que devem ser mantidas neste sistema por no máximo dois anos, quando é preciso encontrar um novo reprodutor para que a raça não sofra mutações genéticas.

Neste aspecto é preciso ainda estar atento para o fato de que colocar sempre os pais para cruzar com filhotes pode fazer com que a genética para determinadas doenças se manifeste com mais facilidade na prole. Por isso, o ideal é evitar o cruzamento constante de filhotes da mesma fêmea com seus pais.

Para reproduzir, as fêmeas precisam ficar em contato com o macho apenas por doze horas seguidas. Depois de um dia de descanso, ele já pode entrar em contato com mais fêmeas para acasalamento. As fêmeas, depois de acasaladas, devem ficar isoladas para que se sintam menos estressadas e assim não aconteça nada que atrapalhe a fertilização dos ovos.

A boa noticia para quem está investindo neste ramo e busca informações sobre como criar codornas é que esta ave está pronta para a reprodução tão rápido quanto está para o abate e posterior venda.

Os ovos necessitam apenas de 16 dias para gerar novas aves e não precisam estar com as fêmeas. Basta ter uma chocadeira que permaneça em torno de 16 graus, a temperatura ideal em que a fêmea deixa o ovo enquanto o choca.

Em seguida é preciso separar os ovos como uma medida de segurança para evitar que a fêmea estressada não o quebre levando com isso a prejuízos na produção.

O período de evolução desta ave até a sua idade adulta é extremamente rápido: menos de seis semanas. Com a alimentação correta ele irá passar pelo período de engorda e já estará na idade adulta em um mês e meio, pronto para o abate e venda. É ideal respeitar este período para obter o maior aumento de peso possível da ave e assim, mais lucro.

Para garantir a manutenção da maior quantidade dos ovos fecundados é importante antes da chegada das pequenas codornas com um dia de vida deixar o galpão limpo e desinfetado. Ao chegar, as codorninhas devem ser colocadas em círculos de proteção com as câmpanulas ligadas e tendo uma temperatura de aproximadamente 40o.

Alimentação das codornas em cativeiro

Esta ave possui como alimentação uma dieta vegetariana. O criador pode manter o consumo de vegetais, mas é bom combinar com a administração de ração balanceada, ideal para quem quer ter um aumento de peso e uma criação extremamente lucrativa.

Opte por misturar ração balanceada com bastantes proteínas, vendida em casas de rações. Pode ser ainda feita em casa com grãos, mas para isso, faça uma consulta com um zootecnólogo para que não prejudique o período de engorda das aves e elas percam peso.

O peso de uma codorna macho máximo é de 100 gramas quando adulto e de uma fêmea é de 80 gramas, por isso a questão de peso é tão importante.

Independente do tipo de negócio que você deseja montar é muito importante fazer um planejamento. Estude em livros, contrate uma consultoria, use o Kit Como Abrir Um Negócio, enfim, escolha a opção que mais lhe agrada, apenas NÃO ARRISQUE suas economias e o bem-estar da sua família em um chute!